Norma de Almeida


Passagem dos Olhos – Anos 80

Norminha, assim é chamada carinhosamente. Montanhista muitíssimo querida. Exemplo de força, doçura, amizade e muito amor pela montanha.
Para mim é uma honra ter a sua amizade.
Conheçam mais uma mulher fantástica!

Nasceu aqui no Rio?
Sim, em Japeri e vim com 2 anos para Jacarepaguá.

Está com quantos anos?
50 anos

E profissão?
Arquivista

Como e quando a escalada surgiu na sua vida? Estava com quantos anos na época?
Fui passar um fim de semana na sede praiana do CEB em Cabo Frio e lá conheci o Ronaldo da Silva que me indicou para o curso básico que começaria logo depois. Eu tinha 22 anos e a minha primeira escalada foi o paredão Laércio Martins no Pão de Açúcar em 09 de janeiro de 1981.


Dedo de Deus

Sofreu algum tipo de resistência da família ou amigos?
Não, muito pelo contrário. Apesar da minha família não conhecer o esporte e as pessoas com as quais eu estava me encontrando enlouquecidamente, todos me apoiaram.

Quantas vezes guiou a Stop?
43. O que eu achei curioso é que à partir da segunda Stop não permiti mais que ninguém passasse à minha frente. No máximo eu revezava com outro tarado pela via.

Do tempo que você começou aos dias de hoje, em sua opinião, o que mudou para melhor e para pior no esporte?
Para melhor:
• o acesso fácil aos equipamentos necessários fundamentais para a nossa segurança,
• a troca de idéias, regulamentação de leis e ações junto aos órgãos competentes em prol da comunidade de escaladores e,
• a queda da ideia de que quem escala montanhas é louco.
Para pior:
• a popularidade do esporte trazendo para o nosso meio pessoas que não tem ética e nem amor pela natureza, simplesmente querem competir e se exibir.
• o avanço da favelização e violência que nos impede de frequentar lugares maravilhosos.

Poderia falar um pouco da Cris Paixão?
A Paixão era 8 e 80. Muitos altos e muitos baixos. Sempre chegava com um lindo sorriso nos lábios carnudos e sempre com um baton forte. Aqueles olhos castanhos esverdeados conquistavam a todos. Fazia muita bagunça e era muito sensível. Fomos parceiras na diretoria social do Cerj na época de ouro do clube. Ótimos tempos, não que agora não seja, mas aqueles foram inesquecíveis. Ela sempre estava apaixonada por alguém, e quando acabava ia ao fundo do poço e voltava como uma fênix com um novo amor.


Paredão Paulista – Irmão Menor do Leblon / Cume do Cantagalo

Para quem você tira o chapéu no montanhismo?
Destacar um ou alguns nomes com certeza vai fazer com que eu seja injusta, mas mesmo assim não posso deixar de expressar o meu sentimento de gratidão e admiração por alguns dos muitos personagens que passaram pela minha vida no montanhismo. São eles: Francesco Berardi – meu paizinho que muito me ensinou; Ronaldo da Silva – primeiro parceiro e grande amigo; Giuseppe Pellegrini – grande amigo; montanhista único e uma pessoa maravilhosa; Luiz Cláudio Rosa e Silva Maia – grande parceiro e amigo desde o primeiro momento em que nos conhecemos; Jana Ribeiro Menezes – grande amiga, responsável por muitas voltas minhas e um grande exemplo de determinação e força; Waldecy Mathias, amigo que conseguia me fazer acreditar que a Travessia Petrópolis-Teresópolis em um dia ainda era possível para mim; Ana Paula Paiva de Almeida – minha querida amiga e parceira após o meu retorno, símbolo de determinação, força e um coração imenso; Alexandre Portela – para mim o melhor escalador do Brasil, grande amigo que teve a ousadia de me convidar para escalar na Urca e fizemos o Lagartão; Rosângela Gelly, Chiarelli e toda família Gelly que sempre me apoiaram nos momentos bons e nos menos felizes. Esta lista não tem fim, acho melhor eu parar por aqui, pois já estou chorando só de relembrá-los.

Gostaria de deixar algum recado para a mulherada?
Sim. Nunca permita que ninguém diga o que você deve fazer ou sentir. A montanhista que existe dentro de cada uma de nós faz com que transcendamos a condição de mulher e nos tornemos um ser da natureza do sexo feminino. Isto nos permite ousar, conquistar e encontrar uma imensa paz que fica por trás de cada árvore, de cada pedra, em todos os cumes.

Entrevista concedida ao Site Mulheres na Montanha

Feita por  Rosane Camargo
Fotos: Arquivo pessoal

Posted in:

34 Comentários

  1. Muito bonita e emocionante a reportagem com a Norminha. Muita determinação, equilíbrio! Um exemplo de montanhista! Muito bom conhecer mais um pouquinho das nossas Montanhistas – Escaladoras!
    Parabéns Rosane pela entrevista…

    Beijos,

    Teca Capela

  2. Para mim é uma verdadeira bênção ter a Norma fazendo parte da minha vida. Às vezes me questiono se sou merecedora de tal graça. Admiro não só a Norminha montanhista, mas também a mulher, mãe, companheira e amiga. Ser humano raro e especial. Sua força, amor pela vida e pelas montanhas são inspiradores. Parabéns pela entevista.

  3. Ser amiga da Norminha é um privilégio. Com ela aprendi a dar os primeiros passos na montanha e a enxergar a natureza com os olhos do coração. Qualquer coisa que eu diga dela não chegará nunca ao ser humano extraordinário que ela é.
    Um beijo da sua fã incondicional,
    Marina

  4. Parabéns pela entrevista e pela vida de montanhismo. Muito legal e que bom relembrar esse momentos mais românticos do montanhismo, apesar de eu não ter vivido isso no Rio e sim em São Paulo. Que saudades do kichute! foi bom revê-lo nas fotos. Abçs Karina

  5. FOI MUITO BOM LER E RELEMBRAR ALGUNS MOMENTOS! ME EMOCIONEI DEMAIS AO LER SOBRE A CRIS! BOAS LEMBRANÇAS DE BONS TEMPOS SAUDADES

  6. Achei a entrevista o máximo! Ser amiga da Norminha é um verdadeiro privilégio. Ela é um ser humano incrível, emotiva e sensível. Registro aqui a minha admiração pela sua força e dedicação. Grande beijo!

  7. Norma: Parabéns pelo exemplo de atleta, mãe, profissional e amiga que você representa para todas as mulheres! Você é sempre um sucesso! Beijos

  8. Esta é minha cunhada, de quem muito me orgulho. Li, com prazer, sua entrevista. Admiro muito a garra e alegria da Norma, uma pessoa que não precisamos aprender a amar, basta conhecer e se encantar!
    Um beijo.

  9. Achei o máximo, eu sou suspeita para falar de você pois além de sermos cunhadas somos cumadres e sabe do sentimento que tenho por você.
    Tenho o maior ourgulho de nosso pequeno querer seguir seus passos, pois com certeza será um guerreiro e uma pessoa de “Bem”.

    Beijos Suzy

  10. Linda a entrevista, consegui sentir parte da emoção que deve ser estar pertinho do céu! Imagino que toda essa força e alegria da Norminha deve ser fornecida pela Brisa especial das montanhas, principalmente quando compartilhada por verdadeiros amigos!! Beijos e parabéns! Isso pra mim é viver…

  11. Lindo ver as imagens; você faz parte das montanhas é maravilhoso sentir toda a emoção de suas palavras.
    Me orgulho muito de você.Parabéns !!!!! Te adoro, “MINHA RAINHA DAS MONTANHAS”.

    Beiiiiiiiijos.

    Pedro.

  12. Norminha!
    Uma pessoa super especial que me ensina muito todos os dias. São lindas as fotos, só de ver já dá uma adrenalina.
    Você é surpreendente!
    Linda entrevista!
    Bjs Amanda

  13. Norminha linda, seu texto e suas fotos são maravilhosos como vc… Vc definiu minha irmã muito bem!!!!! Bjkas carinhosas.

  14. Minha querida.Adorei a ntrevista.Que coisa linda.Nao foi de me espantar a sua sensibilidade ao escrever coisas tao maravilhosas.Para mim e sempre maravilhoso ter vc como minha amiga de fe.As fotos estao espetaculare.
    Um beijo enorme querida.Maysa

  15. Você é muito corajosa, eu não teria coragem de fazer isso, está de parabéns, desejo que você seja muito feliz.
    Bjks…

  16. Emocionante ver estas fotos com varias aventuras da querida Norminha! Acompanhei desde o principio estas escaladas e me sinto muito orgulhosa por compartilhar da amizade e do sucesso desta grande mulher!
    Parabéns pela entrevista!
    Beijos,
    Silvia Fontes

  17. Essa e uma grande MULHER! Guerreira, profissional, amiga, mulher de verdade, uma determinada.
    E um orgulho desfrutar da sua amizade e integrar seu hall de pessoas especiais.
    Amo você! Beijos

  18. É isso aí, minha Norma!!! Tenho muito orgulho de ter participado disso e de conhecer a “melhor escaladora do Brasil”!
    Você sempre ensinando a ver o que há de melhor em cada um de nós. Te Amo.

  19. A conheci, de cara, em um Dedo de Deus, onde Leuzingr e eeu estavamos comemorandoo os nossos 62 anos. Nos tratou com se fossemos seus filhos. depois a amizade e agora a admiração

    KrrÔ ( biônico )

  20. Legal, legal, legal!! Tia Norma, gostei da primeira foto e gostei de todas!! Beijo, beijo, beijo.
    bernardo

  21. Parabéns pelo exemplo de mulher que você é… pela sua garra, determinação, generosidade, …, enfim por ser tão maravilhosa!!! Muito obrigada por existir em nossas vidas! Parabéns pela linda entrevista e também pelo aniversário. Temos muito orgulho de você… te amamos muito!!!!!!!!!

    Muitos beijos…

    Luciane, Luci e Maria Fernanda

  22. Foi muito bom saber que faço parte de sua restrita chapelaria. Melhor que isso é ter o prazer de ter você no esporte sendo um exemplo para a mulherada escaladora.
    Beijos!
    Chiarelli

  23. Oi, minha xará! Parabéns pela coragem. Não te conheço, mas, já admiro pelo belo exemplo de coragem e determinação. Por acaso abri o site com a sua entrevista. legal: mulheres na montanha. Deus abençõe todas vocês e não nos desampare.Amém.

  24. Fiz parte do clube de alpinismo, mas perdi o contato da Norminha, Magnago e do Maia tbm. Mudei p São Paulo e queria muito saber o email deles. Será que vcs podem me ajudar? Grata Solange

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *